Portal IPB:

Tecnologia do Blogger.

Sociedades Internas:

Galeria

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Palavra do Presidente

PARA O ALTO & AVANTE

Lembro-me com muita clareza desta frase de um herói dos quadrinhos. Ela traz contida em si uma bela declaração de coragem, ousadia, perspicácia e de ação. Lembro-me ainda de como eu e outros garotos da vizinhança repetíamos esta frase com freqüência, transformando-a em nosso jargão, e bradávamos aos quatro ventos: “Para o alto e avante!”

Era como se essa frase, por si só nos fizesse mais fortes, aptos a enfrentar e superar todos os nossos medos. Fato é que, na nossa simplicidade pueril, pelo menos naquele instante em que a frase era proclamada, nos fazia sentir como verdadeiros super-heróis.

O tempo passou e cada uma daquelas crianças cresceu. A vida é assim. Todos deixaram as coisas próprias de menino e, com o correr do tempo, enfrentaram seus problemas e agruras da vida; e para muitos de nós aquela nossa frase mágica perdeu seu efeito quando foi confrontada com a dura realidade do mundo.

A fé cristã, muitas vezes se assemelha a esta experiência. Não são poucas as frases de impacto, os versículos estanques que decoramos no início da caminhada cristã, que, ao longo do tempo vão se perdendo no curso da nossa história. Logo que tomamos ciência que somos cidadãos da e de fé, valemo-nos dessa fé de forma ousada, desafiadora; fazemos dela a verdadeira loucura do poder de Deus manifestado no Evangelho de Cristo (I Coríntios 1:21-25). Contudo com o passar do tempo, quando sentimos o vento das adversidades soprando nas nossas janelas e os tsunamis da vida assolando nossos quintais, desvanecemos e passamos a não sentir mais muitos dos efeitos da fé aplicada.

É como se sentíssemos o vento forte a dar contra nós e nos afundar bem no meio da tempestade (Mateus 14:30). Nessas horas somos tentados a voltar a pescar peixes depois de termos nos tornado em pescadores de homens (João 21:3); experimentando com isso o fracasso e a frustração de não frutificarmos, não sermos efetivos e nem encontrarmos a satisfação em cumprir o nosso chamado.

Para o Alto e Avante! Este é o desejo de Deus para nós (Colossenses 3:1-2). É esse o desejo do nosso Pai amoroso que nos quer ver andando em vitória, por cima das adversidades (Habacuque 3:19), que nos limpa e fortalece, conservando-nos ligados à Videira Verdadeira que é Cristo (João 15:4-5).

Meus amados irmãos e colegas ministeriais, pastores e presbíteros, homens de Deus que receberam um chamado do Senhor para cuidar e pastorear o seu povo; se por qualquer motivo algum de nós pensar em parar, retroceder ou até mesmo em desistir da carreira ministerial, por conta das adversidades e dos fortes ventos que sopram sobre nossa limitação terrena, lembre-se que fomos chamados em Cristo, o Vencedor (João 16:33), e n’Ele somos mais que vencedores sobre todas as adversidades (Romanos 8:37), e por isso não somos dos que retrocedem (Hebreus 10:39).

Amados, que caminhemos firmes para o Alvo (Filipenses 3:12-16), pois é isso que o Senhor quer para mim e para você, que sigamos sempre: “Para o Alto e Avante”.

Rev. Alessandro Roberto Azevedo Capelari, Presidente do PMGA - Presbitério de Maringá, gestão 2011.

Seguir por e-mail

Rádio e TV:

Seguidores